Diferenças entre Renda Fixa e Renda Variável

Breve conceito: Renda Fixa

Nos investimentos de renda fixa, a rentabilidade, ou sua forma de cálculo, é previamente definida no momento da aplicação. É importante destacar que existem investimentos de renda fixa prefixados e pós-fixados.

A diferença é que os prefixados você já sabe exatamente a rentabilidade que irá receber, já o pós-fixado sabe-se previamente qual será a forma de cálculo de sua rentabilidade, mas a rentabilidade pode variar.

Breve conceito: Renda Variável

Nos investimentos denominados de renda variável, o investidor não tem como saber, antecipadamente, qual será a rentabilidade de seus investimentos. Por isso utiliza-se a expressão “variável” para caracterizar esses investimentos.

No entanto, se a escolha do investimento for feita com critério e informação, avaliando bem as alternativas e com diversificação dos investimentos, a aplicação em renda variável poderá proporcionar ao investidor um retorno maior do que o obtido em aplicações de renda fixa.

Quais são as características da Renda Fixa e da Renda Variável

É importante frisar que o investimento em Renda Fixa, você já sabe o que vai ter de resultado no momento em que se faz a aplicação. A modalidade de renda fixa tem um caráter de ser mais conservadora.

Já a Renda Variável é aquela em que você está exposto às oscilações de um determinado investimento, podendo ter um retorno melhor, igual ou pior que o investimento de Renda Fixa.

Qual o potencial de retorno dos rendimentos?

Em relação ao potencial ou expectativa de retorno, o investimento em renda variável tem maior potencial, mas não há uma garantia que isso aconteça. Uma dúvida muito frequente é o fato de que todo tipo de investimento tem um prazo de maturação, ou seja, um prazo em que aquele investimento entrega ou pode entregar o que se espera dele.

O investimento de Renda Variável, como oscila ao longo do tempo, é mais adequado para investir a longo prazo.

Já o investimento de Renda Fixa, normalmente entrega o retorno que é esperado, bastando para isso multiplicar pelo número de dias que se pretende ficar investido
Muitas pessoas têm dúvidas quanto ao tipo de investimento a fazer. É comum ouvir perguntas como: onde devo investir?

Esse questionamento tem um vício de origem, já que o segredo é entender seu planejamento e quanto de capital você possui, podendo ser alocado tanto em investimentos de Renda Fixa em função dos seus objetivos, ou alocar em investimentos de Renda Variável, cujo capital é de longo prazo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *