Primeiras ações negociadas nos Estados Unidos

As primeiras ações negociadas nos Estados Unidos ocorreram em 1791, emitidas por dois bancos: Banco de Nova York e Banco dos Estados Unidos. Os seus lançamentos foram um sucesso, mas colapsaram um ano depois, quando William Duet tentou manipular o mercado, causando um pequeno crash. Depois disso, a pretexto de maior transparência nas negociações, surgiu a New York Stock Exchange, em 17 de maio de 1972.

Joseph David, um dos especialistas em corporações da época, afirmou que o investimento em ações estava se tornando popular. No século 18 havia mais de 300 empresas listadas, das quais dois terços eram ligadas a transportes via cais, canais, estradas e portos. No entanto, a maior parte dos negócios ficava para os bancos e empresas de seguro.

Assim, em 1825, a primeira empresa não-financeira entra no mercado: a Canal Delaware. Cinco anos depois, Mohawk e Hudson foram listadas e durantes os 50 anos seguintes as estradas de ferro foram os principais negócios na Bolsa Americana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *